Formação sobre a Compact Framework

De acordo com a newsletter da MSDN Porutgal, A Microsoft e a HP juntaram-se para lhe oferecer uma aula intensiva de 8 horas focando a programação para dispositivos baseados no Windows Mobile. Parte da série HP Virtual Classroom, esta sessão de dois dias cobre tudo o que precisa de saber para tornar o seu código móvel.


http://www.hp-microsoft.net/Compact/login.aspx?ReturnUrl=%2fcompact%2findex.aspx 


As ‘aulas’ decorrerão nos dias 15 e 16 de Junho, em 2 sessões.

Rescaldo do evento de mobilidade para empresas de 19/Maio

Decorreu na passada 5a feira, dia 19, um evento dirigido a empresas com o objectivo de apresentar alguns casos de sucesso de soluções de mobilidade baseadas na plataforma WindowsMobile.


O evento contou com uma forte participação, e contou com a presença dos dois MVP portugueses ligados a esta àrea (eu e o João Paulo Figueira). A nossa participação consistiu numa pequena apresentação do programa MVP – Microsoft Most Valuable Professionals e do newgroup, para além de termos estado disponíveis ao longo do dia para quem nos quisesse colocar questões, quer no intervalo das sessões, quer através de um email que foi disponibilizado para o efeito.


Para além da apresentação das experiências de algumas empresas que decidiram basear as suas soluções de mobilidade nas plaraformas de mobilidade da Microsoft, foi ainda apresentado o push mail da Optimus baseado em Exchange Server 2003 e disponível para os possuidores de PDAs com Windows Mobile 2003, que permite que o PDA receba uma notificação e desencadeie uma sincronização remota sempre que o utilizador receba uma mensagem na sua conta de correio. Foi ainda apresentado o Windows Mobile 5, bem como um dos novos HP Messenger.

A resolução de conflitos com SQL Server CE 2.0 e Merge Replication

Na passada semana, surgiu-me a necessidade de, pela primeira vez, tentar controlar ‘programaticamente’ um potencial conflito numa sincronização com Merge Replication.


Como sabia à partida que a versão do registo no servidor deveria prevalecer sobre a dos PDA em caso de conflito, procurei uma forma de o fazer de forma programada. Aí começou a saga de procurar um resolver que tomasse conta do assunto, e quando pensava tê-lo encontrado, desconfio que descobri uma funcionalidade não documentada da Merge Replication com SqlServer CE 2.0.


Logo que tenha resultados, completo o tal artigo, mas até lá, se alguém quiser deixar aqui feed-back ou deixar alguma questão sobre este assunto é benvindo!

Merge Replication – Resolução de conflitos

A sincronização de informação entre 2 processos é um processo potencialmente problemático pela possibilidade de, entre sincronizações, a mesma informação ser modificada em ambos. Quando tal ocorre, estamos na presença de um conflito.


Com a Merge Replication e o SQL Server CE 2.0, essa possibilidade é ainda maior, pois o ‘tracking’ é feito a nível da linha (registo) e não da coluna (campo), ou seja, se no registo de um cliente, numa máquina for actualizado o respectivo nº de telefone, enquanto noutra para o mesmo cliente for alterada a morada, o conflito é despoletado, apesar das informações modificadas não serem as mesmas.


Com um planeamento cuidado e a estrutura da base de dados adequada, pode conseguir-se prever a existência de conflitos, por ex., não tendo um campo de notas ‘único’ por cliente, mas guardando as notas introduzidas por cada utilizador em registos separados, mas sempre que tal não for possível, há que prever a priori o comportamento desejado sempre que um conflito ocorra de modo a evitar situações imprevisíveis.